Amor de mãe

Não existem melhores mãos para entregar os meus sonhos do que as mãos de quem me pariu. As mãos, que me ensinaram a amar, as mãos de quem me deu vida.

É aí no infinito desse coração que me amará para a eternidade que posso aconchegar os meus sonhos. Esse é o único coração conhece tudo o que eu sou. Para ele, eu nunca serei um desconhecido, para mim, ele sempre será um porto de abrigo.

Quem melhor me amará do quem me carregou no seu ventre, gritando aos sete ventos que ama desde sempre.

Só esse amor é verdadeiramente incondicional.

Amor de mãe não é banalidade é um sentimento de quem nos ama acima da verdade. É o amor de quem trocaria de a sua vida pela nossa, de que pediria para morrer no nosso lugar consciente de que mesmo assim nos continuaria a ajudar.

@angela caboz

Via-te na alma o peso da tua sina!Uma cruz pesada que carregavas nos ombros,mas, tinhas no teu coração a adrenalinade quem todos os dias renasce dos escombros!Podias adormecer nos braços da tristezamas, despertavas t(105)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s