Sinto-te chegar

50695618_558284847982398_8044046546485903360_n

 

Sinto-te chegar, enquanto as horas fogem de mim.

Sinto-te chegar para contrariar o tempo que não nos ajuda a viver o nosso amor, sem que tenhamos que estar limitados pelas horas que passam aceleradas.

Ainda tenho, por vezes, dúvidas sobre onde acabar o sonho e começa a realidade. É que tudo chegou como se fosse um sonho e ainda não sei em que momento deixei de sonhar para passar a viver a realidade. Tudo parece tão perfeito que me perco nessa perfeição de te amar, sem entender o que me faltava e que agora me sobra.

Acordei tão rápido, que não percebo onde terminou o passado e onde começou o futuro.

Acordei sem me lembrar quando deixei de chorar, para começar a amar. Acordei e o teu amor era uma parte de mim como se sempre até ali tivesse vivido. Olhava à minha volta e nada me fazia sentido sem ti. Não havia antes, nem depois, havia apenas o nosso amor e a certeza de que só ele me poderia fazer feliz.

Deixei de pensar no tempo que já tinha passado e no que estaria para chegar, só tinha tempo para te amar. Não entendia como tudo tinha acontecido e também não procurava explicações.

Não te procurei e tu encontraste-me.

Não chegaste, vindo de um lugar qualquer, tu fazias parte de mim. Chegaste no silêncio ruidoso de quem não se faz anunciar, mas em que reparamos porque traz tudo o que nos faz falta.

Não entendo como, mas agora sei que me sinto completa. A cada palavra que fica por escrever à uma história que ninguém vai ler. A cada palavra que escrevemos juntos e que ninguém será capaz de entender há um amor que só nós sabemos escutar. Cada pensamento nosso vive abraçado a este amor que a vida aqui fez nascer.

 

@angela caboz