A vida é tudo o que temos

11220876_941804032532218_3429304916835496193_n

 

A vida é essa estrada que não desenhei.

São todas essas curvas que não sei até onde me irão levar. É essa viagem feitas, tantas vezes, de olhos vendados, que não me deixa ver para além do hoje.

Uma estrada sinuosa que não tem ouvidos para nos escutar, nem sequer está preocupada com a nossa vontade. Leva-nos até onde ela predestinou e não quer saber da nossa opinião.

A vida, por mais que pensemos o contrário, é um passado lembrado e um futuro agendado. Um presente para ser vivido e um ontem que, por vezes, ainda não foi esquecido. São horas que não chegam para todos os sonhos que temos e anos que pedimos para melhor saborear as ilusões que nos conduzem ao futuro que todos os dias nos bate à porta.

A verdade, por mais cruel que nos pareça, é que esta é a única vida que temos para viver.

É um risco feito pelo destino de que não podemos desistir. Uma linha que não podemos pisar, porque o que nos é exigido é que vivamos entre o antes e o depois. Entre uma dor esquecida e um sorriso que está à nossa espera.

Esta vida, que transportamos no coração, é o alimento para a imaginação que multiplica os sonhos pelos desejos, de modo a fazer nascer emoções que nos obrigam a seguir em frente, por caminhos que serão, ou não, os mais certos.

Por vezes, julgaremos que a vida é uma floresta com veredas verdejantes, onde nos perderemos para contemplar os prados verdes e coloridos onde encontraremos as realidades de tudo o que nos está destinado.

A vida é tudo o que temos, é este lugar onde vivemos.

@angela caboz