Esquina do tempo

10441957_977687248937046_6032789318217492933_n

 

Encontrei o teu abraço na esquina do tempo.

Quando dois braços me trouxeram todo conforto que me faltava. Senti-me a estremecer quando me olhaste e sem uma única palavra me pediste para escutar o que o teu coração tinha para me dizer.
Nessa tarde, o dia esticou-se para além do tempo, e até o gato preto, que vivia escondido no teu quarto, resolveu ir passear para não ter que ouvir os nossos gritos silenciosos.
Nessa tarde, que nunca chegou a ser noite, tu viajaste por tudo o que eu sou e perdeste-te em cada curva, para escutar todas emoções que pediam para ser ouvidas pelas tuas mãos, que andavam perdidas na minha pele arrepiada.
Nesse dia, que já procurei no calendário que o tempo me roubou, aprendi a magia de me sentir amada.
Ali, naquela esquina do tempo a vida deu uma trégua ao meu sofrimento, deixando que o teu amor me fizesse sentir uma princesa. No trono da tua paixão fechei os olhos às minhas dores e deixei que me entregasses o amor com que sempre sonhei.
Já voltei a essa esquina, mas nada lá encontrei, nem sequer as migalhas desse amor que ficou entranhado em mim, quando partiste.
Talvez tenha sido só um sonho e nunca as tuas mãos me tenham tocado.

 

@angela caboz